EN | DE | PT Contato Como estudar Entrar Cadastrar

Cadastre-se agora e obtenha sua cópia do guia definitivo de estudos de anatomia!

Funções do músculo quadrado femoral

Este vídeo tem legendas em Português

Demonstração das funções e anatomia do músculo quadrado femoral com recurso a um modelo animado em 3D.

Fantástico!
A sua primeira videoaula. Continue para o teste abaixo para solidificar o seu conhecimento.

Destaques

Transcrição

Você está fazendo uma caminhada relaxante pela praia, sentindo a briza do mar, escutando as ondas quebrando à sua frente, aproveitando o sol quente de verão em sua face. Ao longo do caminho, você para por um momento para olhar para trás para as pegadas que você deixou. Para sua surpresa, ao invés de pegadas apontando para frente, como você esperaria, você percebe que as suas na verdade apontam para fora, em direções opostas uma da outra. Isto é conhecido como “pés para fora” (“out-toeing”), que infelizmente também pode ser conhecido como sendo “pé-de-pato”, uma vez que se assemelha a como o nosso amigo de penas anda.

Sendo o estudante de anatomia curioso que você é, você provavelmente está se perguntando quais músculos podem estar agindo aqui para fazer com que o seu pé aponte para fora dessa forma. Bem, estou feliz por você ter perguntado. Na videoaula de hoje, vamos investigar um músculo que pode influenciar este padrão de deambulação à medida que exploramos as funções do músculo quadrado femoral.

Para entender melhor as ações que este músculo é capaz de realizar, vamos primeiro introduzir a anatomia básica do quadrado femoral.

O quadrado femoral na verdade pertence a um grupo de músculos conhecidos como rotadores laterais ou externos da coxa, juntamente com cinco outros músculos. O nome desse grupo muscular te dá uma dica da sua ação principal, mas antes de nos adiantarmos, vamos dar uma olhada em onde esse músculo relativamente pequeno se insere.

O músculo quadrado femoral tem sua origem aqui, na tuberosidade isquiática. Ele então se estende transversalmente em direção à sua inserção na crista intertrocantérica do fêmur. Esses locais de inserção se distribuem ao longo da articulação acetabulofemoral, mais comumente conhecida como articulação do quadril (anca), logo deve ser bastante intuitivo que esse músculo irá atuar somente nessa articulação, e vamos ver como daqui a pouco.

A inervação do músculo quadrado femoral é bastante fácil de lembrar. Este nervo é simplesmente chamado de nervo para o quadrado femoral. Não pode ser mais fácil do que isso! O nervo para o quadrado femoral é um ramo do plexo sacral e na sua época de provas pode ser útil saber os níveis das raízes desse nervo, que são L4, L5 e S1.

Agora que sabemos um pouco mais sobre o músculo quadrado femoral, podemos começar analisando as ações que esse músculo é capaz de realizar. Vamos começar com a ação mais óbvia. Lembra-se que esse músculo pertencia a um grupo muscular chamado de rotadores externos da coxa? Então, não é difícil de imaginar o quadrado femoral fazendo exatamente isso - ou seja, rodando a coxa externamente ou lateralmente, o que ocorre na articulação do quadril (anca).

É importante lembrar que essa função não ocorre somente a partir de uma posição neutra, como acabamos de ver. Se o nosso modelo estiver inicialmente com a articulação do quadril rodada internamente ou medialmente, podemos ver como o quadrado femoral pode rodar a coxa externamente de volta para a sua posição neutra. Essa relação dinâmica entre as rotações interna ou externa é fundamental durante algumas fases do ciclo da marcha.

Vamos ver isto mais de perto. Quando estamos de pé com ambos os pés lado a lado, nossa articulação do quadril (anca) está em uma posição neutra, com nossos dedos do pé apontando para a nossa frente. Quando damos um passo à frente, a articulação do quadril (anca) do lado do pé de apoio sofre uma rotação interna, girando a pelve para a frente. Se olharmos a perna que está avançando, podemos ver aqui que se a articulação do quadril (anca) mantiver uma posição neutra, isso resulta no membro apontando medialmente ao invés de diretamente para frente. Para corrigir isso, músculos como o quadrado femoral giram a articulação do quadril (anca) externamente ou lateralmente, fazendo o pé se virar para a direção voltada para frente.

Quando damos outro passo à frente, o mesmo acontece no membro oposto. No caso de um rotador externo muito forte ou um rotador interno antagonista fraco, o membro inferior pode girar muito lateralmente durante a fase de oscilação, e isso pode ser a razão pela qual você tem essas pegadas apontando para fora que vimos no começo da videoaula.

Além da rotação externa, o músculo quadrado femoral também age na adução da coxa na articulação do quadril (anca). Para ver isso, vamos começar com o quadril em posição de abdução. A partir daqui, agora podemos ver que o quadrado femoral faz a adução da coxa ao trazê-la na direção da linha média. Então você pode dizer que até o pequeno quadrado femoral te ajuda a completar aqueles longos treinos de condicionamento cardiovascular te ajudando a aduzir suas coxas quando você está fazendo polichinelos.

Além dessas funções, o quadrado femoral também desempenha um papel muito importante na estabilização da articulação do quadril (anca). Mais especificamente, ele estabiliza a cabeça do fêmur no acetábulo do osso do quadril. Isso estabiliza a articulação do quadril (anca) para que músculos maiores, tais como o glúteo máximo, consigam agir. Isso significa que enquanto você está aproveitando vários tipos de atividades, esse músculo ajuda a manter a articulação estável para evitar lesões. Isso pode parecer insignificante, mas sem essa função você pode se encontrar em um mundo de lesões.

E com essa feliz observação, completamos todas as funções do músculo quadrado femoral. Mas antes de darmos o dia por encerrado, vamos rapidamente resumir o que aprendemos.

Começamos fazendo uma caminhada pela praia e vendo o papel do quadrado femoral na rotação externa ou lateral da articulação do quadril (anca), depois vimos como o quadro femoral ajuda na adução da articulação do quadril (anca) ao trazer a coxa em direção à linha média; e, finalmente, mencionamos como o quadrado femoral ajuda a estabilizar a cabeça do fêmur no acetábulo do osso do quadril (anca) - um papel importante na prevenção de lesões.

E é tudo! Chegamos ao fim. Obrigado por assistir e por favor, certifique-se de conferir nossas outras videoaulas de funções musculares em 3D.

Bons estudos!

Continue a sua aprendizagem

Assista mais videoaulas

Mostre mais 19 videoaulas

Faça teste

Leia artigos

Mostre mais 10 artigos

Navegue pelo atlas

Muito bem!

Cadastre-se agora e obtenha sua cópia do guia definitivo de estudos de anatomia!