EN | DE | PT Contato Como estudar Entrar Cadastrar

Cadastre-se agora e obtenha sua cópia do guia definitivo de estudos de anatomia!

Diafragma

Este vídeo tem legendas em Português

Anatomia e função do diafragma.

Fantástico!
A sua primeira videoaula. Continue para o teste abaixo para solidificar o seu conhecimento.

Destaques

Transcrição

Todos nós já tivemos soluços e todos nós já tentamos as mais diversas e estranhas maneiras para nos livrarmos deles, como segurar o nariz enquanto bebemos água ou deixar um amigo nos assustar.

Você sabia que soluços são, na verdade, espasmos involuntários do seu diafragma? Fique por aí para aprender mais sobre este músculo no nosso tutorial sobre o diafragma.

O diafragma é um músculo esquelético em formato de cúpula, que se localiza no tronco e separa a cavidade torácica da cavidade abdominal. Olhando de uma perspectiva inferior, podemos ver que ele tem três pontos de ligação periféricos, que são o processo xifóide anteriormente; as cartilagens
costais da sétima à décima costelas, bem como a décima primeira e décima segunda costelas lateralmente e a vértebra lombar e os ligamentos arqueados posteriormente.

As fibras musculares do diafragma convergem no ligamento central, que é o tendão central. As partes do diafragma que surgem das vértebras são tendinosas em sua estrutura e são conhecidas como crura esquerda e crura direita.

A crura esquerda surge de L1 e L2 e dos discos intervertebrais e a crura direita surge das vértebras lombares L1 a L3. Como você pode ver, o diafragma tem várias aberturas, que permitem que estruturas passem entre as cavidades torácica e abdominal. Ele possui três aberturas principais e várias aberturas
menores.

Neste tutorial, vamos falar sobre as aberturas principais e sobre as estruturas que passam através delas. As aberturas principais são nomeadas a partir das maiores estruturas que passam através delas e a primeira sobre a qual nós vamos falar é o hiato aórtico.

O hiato aórtico fica a nível de T12 e transmite a aorta, a veia ázigos, a veia hemiázigos e o ducto torácico. A seguir, temos o hiato esofágico, que
está a nível de T10. O esôfago passa por essa abertura, assim como o
nervo vago e as artérias esofágicas.

A última grande abertura é o forame da veia cava, que fica a nível de T8.
Pelo forame da veia cava, passam a veia cava inferior e os ramos terminais do nervo frênico direito.

Agora feche os seus olhos e respire profundamente, para dentro e para fora.

Adivinha? Você acabou de usar seu diafragma!

O diafragma é o músculo primário da respiração. Durante a inspiração ele se contrai e fica mais plano, para aumentar o volume da cavidade torácica, fazendo com que os pulmões se expandam.

Durante a expiração, o diafragma relaxa e retoma a sua forma de cúpula, o que reduz o volume da cavidade torácica, expelindo o ar dos pulmões. OK, está na hora de falarmos sobre os vasos e os nervos do diafragma.

O diafragma recebe a maior parte do seu suprimento arterial das artérias frênicas inferiores direita e esquerda. A drenagem venosa segue as artérias e é feita pelas veias frênicas inferiores.

O diafragma recebe sua inervação motora dos nervos frênicos direito e esquerdo, os quais podemos ver aqui, destacados em verde. Cada nervo frênico contém fibras das raízes de C3 a C5 e, felizmente, eu tenho uma boa rima para te ajudar a se lembrar disso.

Com C3, 4 e 5, o diafragma se move com afinco!

Nas notas clínicas de hoje, nós vamos conversar um pouco mais sobre os temidos soluços. Então, o que causa o soluço? Normalmente os soluços parecem começar sem nenhuma razão aparente.

Entretanto, existem alguns gatilhos, incluindo cirurgia abdominal, comida apimentada e estresse. Os soluços normalmente desaparecem depois de alguns minutos, mas em alguns indivíduos sem sorte, eles podem durar dias, semanas e até meses!

Então como combatemos os soluços? O método que todos nós conhecemos é
segurar a respiração.

Isso é feito na intenção de retomar o ritmo natural do nosso diafragma e parar com os soluços. Outros métodos incluem chupar hortelã, morder um limão e respirar em um saco de papel. A busca de uma cura para essa misteriosa condição já investigou até o efeito da massagem digital retal no tratamento de soluços.

Entretanto, se você está soluçando por mais de 48h, está na hora de procurar um médico e tomar algum remédio.

E assim concluímos nosso pequeno tutorial sobre o diafragma.
Mas não deixe que seu aprendizado pare por aqui, visite kenhub.com, onde você pode ler artigos interessantes, desafiar seu conhecimento com testes, explorar nosso atlas com lindas imagens anatômicas ou assistir mais tutoriais em vídeo, como este.

Sim, você encontrará tudo o que você precisa para dominar anatomia de maneira rápida.

Continue, clique no botão. Você sabe que você quer...

Continue a sua aprendizagem

Assista mais videoaulas

Mostre mais 13 videoaulas

Faça teste

Leia artigos

Mostre mais 11 artigos

Navegue pelo atlas

Muito bem!

Cadastre-se agora e obtenha sua cópia do guia definitivo de estudos de anatomia!