Conexão perdida. Por favor atualize a página.
Conectado
EN | DE | PT | ES Contato Como estudar Entrar Cadastrar

Nervo facial (NC VII)

Objetivos de aprendizagem

Ao completar esta unidade de estudo você será capaz de:

  1. Descrever a estrutura e as funções do nervo facial.
  2. Entender o trajeto e as partes do nervo facial.
  3. Listar os principais ramos do nervo facial.

Assista à videoaula

O nervo facial (NC VII) é um nervo misto que conduz diversos tipos de fibras nervosas, fazendo com que ele possa participar de uma ampla gama de funções. Essas funções incluem:

  • Inervação aferente somática geral (sensitiva) da pele ao redor do meato acústimo externo, partes do pavilhão auditivo e região retroauricular/mastóidea.
  • Inervação aferente visceral especial (sensitiva/gustativa) dos dois terços anteriores da língua.
  • Inervação eferente visceral geral (parassimpática ou secretomotora) para as glândulas lacrimais, submandibulares e sublinguais, assim como para membranas mucosas da cavidade nasal e dos palatos duro e mole.
  • Inervação eferente visceral especial (branquiométrica) para os músculos da expressão facial e do couro cabeludo, assim como para os músculos estapédio, estilo-hióideo e ventre posterior do músculo digástrico.

O nervo facial emerge no ângulo ponto-cerebelar como duas raízes distintas. Sua raiz motora está associada aos neurônios que se originam no grande núcleo motor do nervo facial, localizado na ponte. A raiz sensitiva contém fibras sensitivas somáticas e viscerais (gustativas) e os corpos celulares de seus neurônios estão localizados no gânglio geniculado. Os processos centrais dessas fibras terminam no núcleo sensitivo do nervo trigêmeo e no núcleo do trato solitário, respectivamente. Fibras parassimpáticas eferentes (do núcleo salivatório superior) também são conduzidas pela raiz sensitiva, que não é, portanto, unicamente sensitiva em sua composição. Assim, o termo “nervo intermédio” (de Wrisberg) às vezes é utilizado para descrever esta raiz.

Ao longo de seu trajeto, o nervo facial pode ser dividido em três segmentos distintos: uma parte intracraniana (cisternal), uma parte intratemporal (contida no osso temporal) e uma parte extracraniana, que descreve a porção do nervo facial após ele emergir do osso temporal.

Para aprender sobre o nervo facial mais detalhadamente assista à videoaula abaixo:

Teste seus conhecimentos

Está ficando preocupado com tantos detalhes sobre o nervo facial? Pois a prática leva à perfeição! Verifique os seus conhecimentos quantas vezes precisar com o teste abaixo:

Se quiser ir um passo além, faça esse teste personalizado sobre os nervos cranianos. Você também pode modificar o teste de acordo com suas preferências e necessidades.

Navegue pelo atlas

Dê uma última olhada em cada uma das estruturas mais detalhadamente.

Resumo

Informações importantes
Estrutura e características Fibras: Aferentes somáticas gerais (ASG), aferentes viscerais especiais (AVE), eferentes viscerais gerais (EVG), eferentes viscerais especiais (EVE, branquiométricas)
Origem
: ângulo ponto-cerebelar (raízes motora e sensitiva (nervo intermédio))
Saída do crânio
: Forame estilomastóideo
Núcleos associados
: Núcleo motor do nervo facial, núcleo salivatório superior, núcleo do trato solitário
Gânglios associados
: Gânglio geniculado (gânglio pterigopalatino, gânglio ótico, gânglio submandibular)
Segmentos e ramos Intracraniano: Origem → meato acústico interno
(sem ramos)

Intratemporal
: Meato acústico interno → forame estilomastóideo
Nervo petroso maior, nervo para o estapédio, corda do tímpano

Extracraniano
: Após o forame estilomastóideo
Nervo auricular posterior, ramo digástrico, ramo estilo-hióideo, plexo parotídeo (ramo temporal, ramo zigomático, ramo bucal, ramo mandibular marginal, ramo cervical)
Funções Principal: Inervação motora dos músculos da expressão facial (EVE)
Outras
: Inervação gustativa dos dois terços anteriores da língua e palato (AVE), inervação parassimpática das glândulas lacrimais, nasais, palatinas e salivares (exceto parótida) (EVG), sensibilidade a partes da aurícula e região retroauricular (ASG)

Muito bem!

Artigos relacionados

Continue aprendendo

Cadastre-se agora e obtenha sua cópia do guia definitivo de estudos de anatomia!