EN | DE | PT Contato Como estudar Entrar Cadastrar

Músculos radiais do antebraço - quer aprender mais sobre isso?

As nossas videoaulas divertidas, testes interativos, artigos em detalhe e atlas de alta qualidade estão disponíveis para melhorar rapidamente os seus resultados.

Cadastre-se para ter uma conta gratuita no Kenhub hoje e se junte a mais de 1.053.623 alunos de anatomia de sucesso.

“Eu diria honestamente que o Kenhub diminuiu o meu tempo de estudo para metade.” – Leia mais. Kim Bengochea Kim Bengochea, Universidade de Regis, Denver

Músculos radiais do antebraço

Os músculos radiais do antebraço são um grupo de músculos dos membros superiores que formam a lateral do antebraço. Incluem o músculo braquiorradial e os músculos extensores radial longo e curto do carpo. Como suas fibras e tendões são superficiais, podem ser facilmente palpados.  

Este artigo revisa sobre a anatomia dos músculos radiais do antebraço, importantes músculos do sistema muscular, com explicações sobre origem, inserção, inervação e função.

Fatos sobre os músculos radiais do antebraço
Músculo braquiorradial

Origem: crista supracondilar lateral e septo intermuscular lateral do úmero

Inserção: processo estilóide do rádio

Inervação: nervo radial

Função: flexor da articulação do cotovelo, supina ou prona o antebraço na posição anatômica neutra

Músculo extensor radial longo do carpo

Origem: abaixo da crista supracondilar lateral do úmero

Inserção: face posterior do segundo metacarpo

Inervação: nervo radial

Função: extensão dorsal e a abdução radial da articulação do punho

Músculo extensor radial curto do carpo

Origem: tendão extensor comum dos extensores superficiais no epicôndilo lateral do úmero

Inserção: face posterior da base do terceiro metacarpo

Inervação: nervo radial

Função: extensão dorsal e a abdução radial da articulação do punho

Anatomia

A musculatura radial consiste em três músculos localizados na parte lateral do antebraço. Todos eles cursam do epicôndilo lateral do úmero ou de perto dele, até o punho. Como seus ventres e tendões se encontram superficialmente, eles podem ser facilmente palpados.

Origem e Inserção

Os três músculos radiais são:

  • Músculo braquiorradial: se origina na crista supracondilar lateral (entre o braquial e a cabeça lateral do tríceps) e no septo intermuscular lateral do úmero, e se insere no processo estilóide do rádio. Esse poderoso músculo é o principal responsável pelo contorno lateral do cotovelo e antebraço.

Músculo braquioradial - vista anterior (verde)

  • Extensor radial longo do carpo: possui sua origem discretamente abaixo da crista supracondilar lateral do úmero e se insere distalmente na face posterior do segundo metacarpo. A maior parte desse músculo encontra-se sob o braquiorradial.

Músculo extensor radial longo do carpo - vista posterior (verde)

  • Extensor radial curto do carpo: surge do tendão extensor comum dos extensores superficiais no epicôndilo lateral do úmero e se insere na face posterior da base do terceiro metacarpo.

Músculo extensor radial curto do carpo - vista posterior (verde)

Inervação

Todos os músculos radiais são inervados pelo nervo radial (C5-C8), que cursa entre o braquiorradial e o braquial até o cotovelo, onde se divide em um ramo profundo e um ramo superficial à altura da cabeça do rádio. O ramo superficial utiliza o braquiorradial como estrutura guia para atingir a articulação do punho e chega ao dorso da mão. Em contraste, o ramo profundo penetra o músculo supinador e continua para os extensores do antebraço.

Nervo radial - vista anterior (amarelo)

É importante notar que os ramos que inervam os músculos braquiorradial e extensor radial longo do carpo emergem antes da divisão do nervo radial, enquanto o nervo que inerva o extensor radial curto do carpo, o nervo interósseo posterior, emerge logo após a divisão.

Função

A musculatura radial auxilia nos movimentos do cotovelo, da mão e das articulações radioulnares.

O braquiorradial é um forte músculo flexor da articulação do cotovelo. Adicionalmente ele pode supinar ou pronar o antebraço para a posição anatômica neutra, mas não além dela, motivo pelo qual a flexão do cotovelo é mais poderosa em um braço em posição neutra.

Em contraste, tanto o extensor radial longo do carpo quanto o extensor radial curto do carpo são consideravelmente fracos flexores do cotovelo. Suas principais funções são a extensão dorsal e a abdução radial da articulação do punho. Eles ainda contribuem para um forte fechamento do punho por previamente distenderem os músculos flexores da mão e dos dedos.

Videoaula recomendada: Músculos radiais do antebraço
Origens, inserções, inervação e funções dos músculos radiais do antebraço.

Notas clínicas

Em exames neurológicos o braquiorradial serve como músculo de referência para as raízes neurais C5 e C6, através do reflexo braquiorradial. Este é realizado golpeando o tendão na porção distal do rádio, causando uma flexão da articulação do cotovelo. Uma contração reflexa enfraquecida ou ausente pode ser de importância diagnóstica para uma lesão das raízes neurais. Uma alternativa ou adição ao reflexo braquiorradial é o reflexo bicipital.

Em muitos esportes e atividades ocupacionais, uma extensão permanente da articulação do punho é exigida (ex.: prender parafusos ou pintar a parede). No longo prazo o esforço contínuo pode levar a microtraumatismos, inflamação ou rupturas nos tendões dos músculos extensores da articulação do punho. O tendão do extensor radial curto do carpo é particularmente propenso a tais lesões (epicondilite lateral), causando dor na parte lateral do cotovelo e uma capacidade reduzida de extensão da mão. Como jogadores de tênis são especialmente afetados por essa condição, ela também é chamada de cotovelo de tenista.

Músculos radiais do antebraço - quer aprender mais sobre isso?

As nossas videoaulas divertidas, testes interativos, artigos em detalhe e atlas de alta qualidade estão disponíveis para melhorar rapidamente os seus resultados.

Cadastre-se para ter uma conta gratuita no Kenhub hoje e se junte a mais de 1.053.623 alunos de anatomia de sucesso.

“Eu diria honestamente que o Kenhub diminuiu o meu tempo de estudo para metade.” – Leia mais. Kim Bengochea Kim Bengochea, Universidade de Regis, Denver

Mostrar referências

Referências:

  • M. Schünke/E. Schulte/U. Schumacher: Prometheus – LernAtlas der Anatomie – Allgemeine Anatomie und Bewegungssystem, 2nd edition, Thieme Verlag (2007), p. 310-311
  • J. E. Muscolino: The muscular system manual – The skeletal muscles of the human body, 2nd edition, Elsevier Mosby (2005), p. 586-588, 603-608
  • W. Kahle/M. Frotscher: Taschenatlas Anatomie – Band 3 – Nervensystem und Sinnesorgane, 10nd edition, Thieme Verlag (2009), p. 82-83
  • I. Reuter: Radiusperiostreflex, Lexikon Orthopädie und Unfallchirurgie, Springer Medizin (link) S. D. Waldman: Atlas of common pain syndromes, Saunders (2002), p. 98-100

Autor:

  • Achudhan Karunaharamoorthy

Ilustrações:

  • Músculo braquiorradial, músculo extensor longo do carpo e músculo extensor curto do carpo: Yousun Koh 
  • Nervo radial: Yousun Koh

Tradução para português, revisão e layout:

  • Rafael Lourenço do Carmo
  • Catarina Chaves
  • Rafaela Ervilha Linhares
© Exceto expresso o contrário, todo o conteúdo, incluindo ilustrações, são propriedade exclusiva da Kenhub GmbH, e são protegidas por leis alemãs e internacionais de direitos autorais. Todos os direitos reservados.

Desenhos e imagens relacionados

Continue a sua aprendizagem

Leia mais artigos

Mostre mais 15 artigos

Assista videoaulas

Mostre mais 26 videoaulas

Faça teste

Navegue pelo atlas

Muito bem!

Cadastre-se agora e obtenha sua cópia do guia definitivo de estudos de anatomia!

Crie sua conta gratuitamente.
Comece a aprender anatomia em menos de 60 segundos.