Conexão perdida. Por favor atualize a página.
Conectado
EN | DE | PT | ES Contato Como estudar Entrar Cadastrar

Artérias do pâncreas, duodeno e baço - quer aprender mais sobre isso?

As nossas videoaulas divertidas, testes interativos, artigos em detalhe e atlas de alta qualidade estão disponíveis para melhorar rapidamente os seus resultados.

Com quais você prefere aprender?

“Eu diria honestamente que o Kenhub diminuiu o meu tempo de estudo para metade.” – Leia mais. Kim Bengochea Kim Bengochea, Universidade de Regis, Denver

Artérias do pâncreas, duodeno e baço

Objetivos de aprendizagem 

Após finalizar essa unidade de estudo você será capaz de: 

  1. Descrever a irrigação do pâncreas, duodeno e baço.
  2. Nomear as artérias que irrigam esses órgãos e seus principais ramos.
  3. Visualizar o trajeto dessas artérias e suas relações anatômicas.

Assista à videoaula

O pâncreas, o duodeno e o baço são irrigados por artérias que se originam no tronco celíaco e na artéria mesentérica superior, ambas as quais têm origem na aorta abdominal.

O duodeno, a cabeça e o processo uncinado (apófise unciforme) do pâncreas são irrigados pelas artérias pancreaticoduodenais superior anterior e superior posterior (ramos da artéria gastroduodenal) e pelas artérias pancreaticoduodenais inferiores anterior e posterior (ramos da artéria mesentérica superior), que formam uma arcada arterial. O colo, o corpo e a cauda do pâncreas são irrigados por numerosos ramos que vêm principalmente da artéria esplênica. 

O suprimento arterial do baço vem da artéria esplênica, que é um ramo direto do tronco celíaco. 

A videoaula a seguir vai te ajudar a entender a vascularização do pâncreas, do baço e do duodeno.

Teste seus conhecimentos

Para solidificar seus conhecimentos e se preparar para as suas provas, tente responder nosso teste:

Para focar ainda mais e resolver qualquer ponto fraco que você tenha, tente nosso teste personalizado, que te dá total controle para escolher os termos e tópicos a serem abordados:

Navegue pelo atlas

Navegue pela galeria do nosso atlas para ver cada estrutura vascular em detalhes. 

Resumo 

Informações importantes
Pâncreas Artérias pancreaticoduodenais superiores: ramos da artéria gastroduodenal, formam as arcadas pancreaticoduodenais que correm anterior e posteriormente com as artérias pancreaticoduodenais inferiores, irrigando a cabeça e o colo do pâncreas
Artérias pancreaticoduodenais inferiores:
ramos da artéria mesentérica superior, formam as arcadas pancreaticoduodenais que correm anterior e posteriormente com as artérias pancreaticoduodenais superiores e irrigam a cabeça e o processo uncinado do pâncreas
Artéria esplênica:
ramo direto do tronco celíaco, irriga o corpo e a cauda do pâncreas (através das artérias pancreáticas dorsal e magna e da artéria da cauda do pâncreas).
Duodeno Artérias pancreaticoduodenais superiores: ramos da artéria gastroduodenal, formam as arcadas pancreaticoduodenais com as artérias pancreaticoduodenais inferiores, suprem as partes superior e descendente do duodeno
Artérias pancreaticoduodenais inferiores:
ramos da artéria mesentérica superior, formam as arcadas pancreaticoduodenais com as artérias pancreaticoduodenais superiores, suprem as partes horizontal e ascendente do duodeno
Artérias supraduodenal e retroduodenal:
ramos da artéria gastroduodenal (ou artéria hepática comum), irriga principalmente as partes superior e posterior do duodeno
Baço Artéria esplênica: ramo direto do tronco celíaco, se divide em 2 ou 3 ramos esplênicos

Muito bem!

Artigos relacionados

Continue aprendendo 

Aprofunde ainda mais nesse tópico ao aprender mais sobre os vasos linfáticos do pâncreas, duodeno e baço e ainda sobre a vascularização dos seus órgãos vizinhos. 

Cadastre-se agora e obtenha sua cópia do guia definitivo de estudos de anatomia!