Conexão perdida. Por favor atualize a página.
Conectado
EN | DE | PT | ES Contato Como estudar Entrar Cadastrar
Pronto para aprender?
Selecione a sua ferramenta de estudo favorita

Músculos do braço

O que é o "braço"? É todo o membro superior, do ombro até a ponta dos dedos, certo? Errado! No vocabulário usado no dia-a-dia pode até ser. Mas em anatomia, o termo "braço" se refere à região entre as articulações do ombro e do cotovelo.

E quais são músculos dessa região? Os músculos do braço são divididos em dois compartimentos: o compartimento anterior (flexor) contém os músculos bíceps braquialcoracobraquialbraquial; enquanto o compartimento posterior (extensor) contém o músculo tríceps braquial.

Apesar do músculo ancôneo não estar anatomicamente localizado no braço, ele frequentemente é descrito junto com os músculos dessa região. Isso porque sua função está intimamente relacionada com a função do músculo tríceps braquial.

A principal função dos músculos do compartimento anterior é a flexão do antebraço na articulação do cotovelo e a adução do braço na articulação do ombro. Ações adicionais desses músculos incluem a flexão do braço na articulação do ombro e a supinação do antebraço. O tríceps braquial é o principal extensor do antebraço na articulação do cotovelo, com ajuda do músculo ancôneo, mas ele também é capaz de fazer a extensão e a adução do braço, embora com menor força.

Os músculos do compartimento flexor são inervados pelo nervo musculocutâneo, enquanto os extensores são inervados pelo nervo radial.

Este artigo vai explorar a anatomia e as funções dos músculos do braço.

Fatos importantes sobre os músculos do braço
Músculos Flexores: bíceps braquial, braquial, coracobraquial
Extensores: tríceps braquial, ancôneo (o ancôneo não está anatomicamente no braço)
Inervação Flexores: nervo musculocutâneo, exceto o músculo braquial que também é inervado pelo nervo radial
Extensores: nervo radial
Funções Funções primárias: flexão e extensão do antebraço
Funções secundárias: adução, flexão, extensão e abdução do braço
Conteúdo
  1. Bíceps braquial
  2. Braquial
  3. Coracobraquial
  4. Tríceps braquial
  5. Ancôneo
  6. Referências
+ Mostrar todo

Antes de mergulhar nos detalhes específicos de cada músculo, aqui está um diagrama legendado com a visão geral dos músculos do braço para você se orientar:

Músculos do braço

Bíceps braquial

O bíceps braquial, também conhecido como bicípite braquial, é o músculo mais superficial do compartimento anterior do braço. Portanto, é facilmente palpável e claramente visível como uma protuberância redonda quando você flexiona o antebraço contra uma resistência.

O músculo consiste em duas cabeças:

  • A cabeça longa se origina do tubérculo supraglenoidal da escápula.
  • cabeça curta se origina do processo coracoide da escápula.

As duas cabeças se fundem distalmente, terminando em um tendão único que se insere na tuberosidade radial.

Ele é inervado pelo nervo musculocutâneo (C5-C6) e vascularizado pela artéria braquial. A função do bíceps braquial é realizar uma forte flexão e supinação do antebraço, bem como uma flexão fraca do braço na articulação do ombro. Além disso, a sua cabeça longa estabiliza a articulação do ombro.

Fatos importantes sobre o músculo bíceps braquial
Origem Cabeça longa: tubérculo supraglenoidal da escápula
Cabeça curta: processo coracoide da escápula
Inserção Tuberosidade radial do rádio
Inervação Nervo musculocutâneo (C5- C6)
Função Articulação do cotovelo: flexão e supinação do antebraço
Articulação do ombro: flexão fraca do braço

Braquial

O próximo na lista dos músculos do braço é o braquial. Ele é encontrado profundamente no compartimento anterior do braço, abaixo do bíceps braquial.

O músculo se origina na metade inferior da superfície anterior do úmero. Distalmente, ele se insere na tuberosidade e no processo coronoide da ulna.

O músculo braquial atua apenas na articulação do cotovelo. Durante a sua contração, ele flexiona o antebraço. O braquial é o flexor mais potente do antebraço, independentemente da sua posição. Esse músculo é inervado pelos nervos musculocutâneo e radial (C5-C7).

Fatos importantes sobre o músculo braquial
Origem Metade inferior da superfície anterior do úmero
Inserção Tuberosidade da ulna, processo coronoide da ulna
Inervação Nervo musculocutâneo
Nervo radial (C5-C7)
Função Articulação do cotovelo: flexão do antebraço (em todas as posições)

Coracobraquial

O músculo coracobraquial também é encontrado profundamente no compartimento anterior do braço, no mesmo plano que o músculo braquial, abaixo do bíceps braquial.

Ele se origina no processo coracoide da escápula, passa através da axila e se insere na superfície anteromedial da diáfise do úmero.

Portanto, o coracobraquial atua na articulação do ombro. Durante a sua contração, ele flexiona e aduz o braço. Ele também estabiliza a articulação do ombro, impedindo o seu deslocamento durante a sustentação de cargas pesadas, como o que ocorre quando carregamos sacolas de compras. O coracobraquial é inervado pelo nervo musculocutâneo (C5-C7).

Fatos importantes sobre o músculo coracobraquial
Origem Processo coracoide da escápula
Inserção Superfície anteromedial da diáfise do úmero
Inervação Nervo musculocutâneo
Função Articulação do ombro: flexão do braço, adução do braço

Muita informação de uma só vez? Consolide o seu conhecimento de maneira rápida e divertida utilizando o teste a seguir:

Tríceps braquial

O estudo de anatomia dos músculos do braço seria incompleto sem conhecer o tríceps braquial, também conhecido como tricípite braquial. Ele é o maior músculo do braço e o único ocupante do compartimento posterior do braço, sendo claramente visível na parte de trás do braço, especialmente em atletas bem treinados.

Como o próprio nome sugere, o tríceps é composto por três cabeças: longa, lateral e medial. A cabeça longa se origina do tubérculo infraglenoidal da escápula. As cabeças lateral e medial se originam da superfície posterior do úmero, superiormente e inferiormente ao sulco radial, respectivamente. As três cabeças se fundem em um único tendão que se insere no olécrano da ulna e na fáscia do antebraço.

As inserções do tríceps braquial implicam no seu envolvimento em duas articulações, a do ombro e a do cotovelo. A principal função desse músculo é a extensão do antebraço, tornando-o o principal antagonista dos músculos flexores. A cabeça medial gera mais força, seguida pela lateral. A cabeça longa é a parte extensora menos ativa, mas ela executa outras funções tais como a extensão do braço e a adução ao redor da articulação do ombro. O tríceps braquial é inervado pelo nervo radial (C6 - C8).

Fatos importantes sobre o músculo tríceps braquial
Origem Cabeça longa: tubérculo infraglenoidal da escápula
Cabeça lateral: superfície posterior do úmero (superiormente ao sulco radial)
Cabeça medial: superfície posterior do úmero (inferiormente ao sulco radial)
Inserção Olécrano da ulna e fáscia do antebraço
Inervação Nervo radial (C6 - C8)
Função Articulação do cotovelo: extensão do antebraço
Articulação do ombro: extensão do braço e adução (cabeça longa)

Preocupado com a sua próxima prova de anatomia? Aprenda mais utilizando nossa apostila de exercícios sobre os músculos do corpo humano e gabarite sua prova com facilidade!

Ancôneo

Por último, mas não menos importante, o ancôneo, que é o quinto músculo do braço. Estritamente falando ele não está localizado no braço, mas sim posterolateralmente ao cotovelo.

O ancôneo se origina do epicôndilo lateral do úmero e se insere na superfície lateral do olécrano da ulna.

Por que o ancôneo está incluído nos músculos do braço? Como você pode ver pelas suas inserções, ele atua na articulação do cotovelo. De fato, a função desse músculo está intimamente relacionada com a do tríceps braquial. O ancôneo ajuda o tríceps na extensão do antebraço e evita que a cápsula articular do cotovelo seja pinçada durante esse movimento. Esse músculo é inervado pelo nervo radial (C7, C8).

Fatos importantes sobre o músculo ancôneo
Origem Epicôndilo lateral do úmero
Inserção Superfície lateral do olécrano
Inervação Nervo radial (C7, C8)
Função Articulação do cotovelo: auxilia na extensão do antebraço; estabilização da articulação do cotovelo

Aprenda mais sobre os músculos do braço com os materiais de estudo abaixo.

Músculos do braço - quer aprender mais sobre isso?

As nossas videoaulas divertidas, testes interativos, artigos em detalhe e atlas de alta qualidade estão disponíveis para melhorar rapidamente os seus resultados.

Com quais você prefere aprender?

“Eu diria honestamente que o Kenhub diminuiu o meu tempo de estudo para metade.” – Leia mais. Kim Bengochea Kim Bengochea, Universidade de Regis, Denver

© Exceto expresso o contrário, todo o conteúdo, incluindo ilustrações, são propriedade exclusiva da Kenhub GmbH, e são protegidas por leis alemãs e internacionais de direitos autorais. Todos os direitos reservados.

Cadastre-se agora e obtenha sua cópia do guia definitivo de estudos de anatomia!