EN | DE | PT Contato Como estudar Entrar Cadastrar

Músculo bíceps braquial - quer aprender mais sobre isso?

As nossas videoaulas divertidas, testes interativos, artigos em detalhe e atlas de alta qualidade estão disponíveis para melhorar rapidamente os seus resultados.

Com quais você prefere aprender?

“Eu diria honestamente que o Kenhub diminuiu o meu tempo de estudo para metade.” – Leia mais. Kim Bengochea Kim Bengochea, Universidade de Regis, Denver

Músculo bíceps braquial

O músculo bíceps (bicípite) braquial é um dos principais músculos do compartimento flexor do braço. Suas origem e inserção atuam tanto na articulação do ombro como na articulação do cotovelo.

Músculos do compartimento flexor do braço:

O seu nome deriva das suas duas cabeças que se inserem no ápice da apófise coracoide e no tubérculo supraglenoidal.

Então, basicamente, o músculo bíceps tem uma origem dupla, mas uma inserção única. Isso define a estrutura do músculo, então ele tem as duas cabeças que se fundem em um único corpo distal.

Fatos sobre o músculo bíceps braquial
Origem

Cabeça curta: apófise coracóide da omoplata

Cabeça longa: tubérculo supraglenoide da omoplata

Inserção Tuberosidade radial e fáscia profunda do antebraço (aponeurose bicipital)
Inervação Nervo musculocutâneo (C5-C6)
Função

Braço: abdução, rotação interna (cabeça longa), adução (cabeça curta) e flexão

Segurar a cabeça umeral na articulação do ombro

Cotovelo: flexão e supinação

Antagonista Músculo tricípite braquial
Nota clínica Luxação e tendinite do bicípite

Este artigo descreverá detalhadamente as origens e inserções do músculo bíceps braquial, juntamente com sua inervação, funções e aspectos clínicos relevantes.

Anatomia

Origem e inserção

O músculo bíceps braquial é um grande e grosso músculo do braço, consistindo de duas cabeças.

  • Cabeça longa: se origina no tubérculo supraglenoidal (supraglenoide) acima da glenoide da escápula (omoplata). Ele encontra-se dentro do espaço intracapsular mas permanecendo extrasinovial. O tendão da cabeça longa do bíceps realiza uma marcada mudança de direção na cabeça do úmero e continua seu curso no sulco bicipital (sulco intertubercular). Esse ponto de mudança de direção é fixado por ligamentos na área capsular (= polia do bíceps).
  • Cabeça curta: surge no processo (

    apófise

    ) coracóide da escápula (omoplata), onde ele se funde parcialmente com a origem do tendão do coracobraquial.

Quer aprender mais sobre os músculos do braço e do ombro? Confira a videoaula abaixo.

As duas cabeças se unem formando um grande músculo na face anterior do úmero e se ligam à tuberosidade radial. Uma membrana fibrosa surgida da porção distal do músculo (aponeurose bicipital) se insere na fáscia profunda do antebraço

Músculo bíceps braquial (verde) - vista lateral direita

Aprenda mais sobre os restantes músculos do braço e ombro com os materiais de estudo seguintes.

Inervação

O músculo é inervado pelo nervo musculocutâneo (C5-C6), um ramo do plexo braquial.

Nervo musculocutâneo (verde) - vista anterior

Aprofunde os seus conhecimentos sobre o plexo braquial com os conteúdos em baixo.

Anatomia de superfície

A superfície anatômica da face anterior do braço é formada essencialmente pelo bíceps. Enquanto ambos os seus tendões de origem são cobertos pelo deltoide, seu tendão de inserção pode ser facilmente visualizado e palpado na fossa cubital. O espaço entre o bíceps e o tríceps forma dois sulcos (sulcos bicipital medial e lateral). Dentro do sulco bicipital medial cursam a artéria braquial e os nervos ulnar e mediano, enquanto o sulco bicipital lateral contém o nervo radial.

Sim, são muitos músculos, inserções, origens, inervações e funções para aprender em anatomia. Parece impossível memorizar isso tudo, não é mesmo? Mas fique tranquilo porque vamos te ajudar com a apostila de exercícios sobre os músculos. Não deixe de conferir!

Função

O bíceps é um músculo de duas articulações. No ombro as cabeças realizam parcialmente movimentos opostos. 

  • A cabeça longa puxa o braço para longe do tronco (abdução) e o roda internamente (rotação interna), enquanto a cabeça curta puxa o braço novamente em direção ao tronco (adução). Quando ambas as cabeças se contraem simultaneamente ocorre uma dobra do braço (flexão). 
  • No cotovelo o músculo dobra o antebraço (flexão) e o roda externamente (supinação). A supinação é mais poderosa com o cotovelo flexionado. Além das funções de movimentação o bíceps possui a importante tarefa de segurar a cabeça umeral na articulação do ombro.

Já está pronto para testar seus conhecimentos sobre os músculos do braço? Então se prepare para gabaritar o nosso quizz!!

Músculo bíceps braquial - quer aprender mais sobre isso?

As nossas videoaulas divertidas, testes interativos, artigos em detalhe e atlas de alta qualidade estão disponíveis para melhorar rapidamente os seus resultados.

Com quais você prefere aprender?

“Eu diria honestamente que o Kenhub diminuiu o meu tempo de estudo para metade.” – Leia mais. Kim Bengochea Kim Bengochea, Universidade de Regis, Denver

Cadastre-se agora e obtenha sua cópia do guia definitivo de estudos de anatomia!