EN | DE | PT Contato Como estudar Entrar Cadastrar

Anatomia dos dentes - quer aprender mais sobre isso?

As nossas videoaulas divertidas, testes interativos, artigos em detalhe e atlas de alta qualidade estão disponíveis para melhorar rapidamente os seus resultados.

Com quais você prefere aprender?

“Eu diria honestamente que o Kenhub diminuiu o meu tempo de estudo para metade.” – Leia mais. Kim Bengochea Kim Bengochea, Universidade de Regis, Denver

Anatomia dos dentes

Anatomia do dente

A anatomia do dente é um assunto interessante, porém desafiador, que exige o conhecimento da anatomia da cabeça e do pescoço e a atenção de qualquer profissional ou estudante da área da saúde. O dente humano é muito especial, uma vez que ele cresce duas vezes durante a vida, são estruturas essenciais para a digestão mecânica dos alimentos e oferecem suporte a algumas características faciais.

A dentição dos adultos consiste em trinta e dois dentes que compartilham algumas características anatômicas e são classificados em quatro grupos:

  • Incisivos

  • Caninos

  • Pré-molares

  • Molares

Fatos importantes sobre a anatomia do dente
Nome e numeração dos dentes Sistema FDI (usado internacionalmente), sistema universal (EUA), sistema de Palmer (RU).
Tipos de dentes Dentição decídua (20 dentes), dentição permanente (32 dentes)
Partes principais dos dentes Coroa, câmara pulposa, colo do dente, raiz dentária, canal da raiz
Fornecimento vascular e nervoso

Artérias: artérias alveolares superiores anteriores, artérias alveolares superiores posteriores, artérias alveolares inferiores

Nervos: nervos alveolares superiores (NC V2), nervos alveolares inferiores (NC V3)

Nesta página, nós vamos estudar cada um dos tipos de dentes acima referidos, aprender como eles são numerados e entender as várias partes anatômicas dos dentes.

Nome e numeração dos dentes

Existe um total de trinta e dois dentes na cavidade oral de um adulto com dentição saudável. Metade, ou dezesseis são fixados à maxila, enquanto a metade inferior encontra-se na mandíbula. O nome dos dentes em cada arcada é intuitivo - os dezesseis superiores são chamados de 'dentes da arcada superior' ou 'dentes maxilares', enquanto a metade inferior é chamada de 'arcada inferior' ou 'dentes mandibulares'. Cada arcada é um espelho da arcada oposta, contendo tipos de dentes correspondentes.

Os dentes em cada fileira ou arcada são divididos em quatro grupos; nomeados conforme a seguir da linha dentária média para as laterais:

  • Incisivos (4) - incisivos centrais, incisivos laterais

  • Caninos (2)

  • Pré-molares (4) - primeiros pré-molares, seguidos dos segundos pré-molares

  • Molares (6) - primeiros molares, em seguida segundos molares e finalmente os terceiros molares (dentes sisos)

Para simplificar, os dentistas utilizam uma numeração dos dentes para identificá-los. Os dentes são numerados de 1 a 32; começando superiormente da direita para a esquerda, e em seguida inferiormente, também da direita para a esquerda.

Assista a seguinte videoaula sobre dentes para aprender mais sobre os quatro grupos e a sua numeração.

Tipos de dentes

Além dos nomes e numeração específicos, a anatomia dentária também é única nos tipos possíveis de dentes e seus respectivos números. As crianças possuem vinte dentes, chamados de decíduos, ou "dentes de leite", entre os seis meses e os seis anos de idade. Este grupo é em seguida substituído pela dentição permanente de trinta e dois dentes nos adolescentes e adultos.

Anatomia dos dentes

Estrutura do dente

Os quatro grupos de dentes não são idênticos, mas todos eles compartilham uma anatomia dentária típica:

  • Coroa

  • Câmara pulposa

  • Colo do dente

  • Raiz dentária

  • Canal da raiz

Artérias e veias

O suprimento sanguíneo dos dentes se origina da artéria maxilar, que é o maior ramo terminal da artéria carótida externa. Ela é responsável por suprir as estruturas profundas da face.

As artérias específicas que levam sangue para os dentes cursam através do canal da raiz e têm os seguintes nomes:

  • Artérias alveolares superiores anteriores

  • Artérias alveolares superiores posteriores

  • Artérias alveolares inferiores

As veias dos dentes seguem as artérias, possuindo nomes semelhantes. Elas drenam para o plexo pterigoideo ou para a veia facial.

Nervos

Os nervos que inervam os dentes também acompanham as artérias através do canal da raiz, e se originam dos ramos maxilar e mandibular do trigêmeo, ou quinto nervo craniano. Próximos aos dentes estes grandes nervos dão origem aos seguintes ramos:

  • Nervos alveolares superiores

  • Nervos alveolares inferiores

Este teste personalizado testa todo o seu conhecimento sobre os dentes. Ele incorpora tudo, desde o nome e tipos de dentes, até a sua estrutura e anatomia, ao contrário de focar em uma única parte do assunto. Teste os seus conhecimentos recém adquiridos sobre os conceitos relacionados à anatomia dos dentes!

Anatomia dos dentes - quer aprender mais sobre isso?

As nossas videoaulas divertidas, testes interativos, artigos em detalhe e atlas de alta qualidade estão disponíveis para melhorar rapidamente os seus resultados.

Com quais você prefere aprender?

“Eu diria honestamente que o Kenhub diminuiu o meu tempo de estudo para metade.” – Leia mais. Kim Bengochea Kim Bengochea, Universidade de Regis, Denver

Mostrar referências

Referências:

  • Moore, K. L., Agur, A. M., & Dalley, A. F. (2015). Essential clinical anatomy. Philadelphia: Wolters Kluwer Health.
  • Halliday, N. L. (2014). BRS gross anatomy. Lippincott Williams And Wilkin.

Ilustrações:

  • Anatomia do dente - vista anterior - Paul Kim

Tradução para português e layout:

  • Rafael Lourenço do Carmo
  • Rafael Vieira
© Exceto expresso o contrário, todo o conteúdo, incluindo ilustrações, são propriedade exclusiva da Kenhub GmbH, e são protegidas por leis alemãs e internacionais de direitos autorais. Todos os direitos reservados.

Cadastre-se agora e obtenha sua cópia do guia definitivo de estudos de anatomia!