EN | DE | PT Contato Como estudar Entrar Cadastrar

Cavidade oral - quer aprender mais sobre isso?

As nossas videoaulas divertidas, testes interativos, artigos em detalhe e atlas de alta qualidade estão disponíveis para melhorar rapidamente os seus resultados.

Com quais você prefere aprender?

“Eu diria honestamente que o Kenhub diminuiu o meu tempo de estudo para metade.” – Leia mais. Kim Bengochea Kim Bengochea, Universidade de Regis, Denver

Cavidade oral

Cavidade oral - vista anterior

A saúde começa pela boca. Quando dizemos 'boca', na verdade nós nos referimos à cavidade oral, um espaço na parte inferior da face que funciona como entrada para o sistema digestório (sistema digestivo).

O conteúdo da cavidade oral determina a sua função. Ela abriga as estruturas necessárias para a mastigação e a fala, que incluem os dentes, a língua e as estruturas associadas, como as glândulas salivares. A maior parte das funções da cavidade oral estão relacionadas à língua, especialmente as suas habilidades musculares e sensitivas. É por isso que esta página sobre a anatomia da boca vai focar na anatomia da língua.

Fatos importantes sobre a cavidade oral
Definição

É a primeira parte do sistema digestivo e contém as estruturas necessárias para a mastigação e fala; os dentes, a língua e as glândulas salivares.

Língua

Órgão muscular localizado na cavidade oral que é essencial para o paladar, a mastigação, a deglutição e a fala.

Músculos da língua

Intrínsecos: longitudinal superior, longitudinal inferior, transverso e vertical.

Extrínsecos: genioglosso, hioglosso, estiloglosso e palatoglosso

Inervação da língua

Motora: Todos os músculos são inervados pelo nervo hipoglosso (NC XII), exceto o músculo palatoglosso que é inervado pelo nervo vago (NC X).

Sensitiva: 

- Sensação geral e paladar do terço posterior: nervo glossofaríngeo (NC IX);

- Sensação geral dos dois terços anteriores: nervo lingual (ramo do nervo mandibular - V3)

- Sensação do paladar dos dois terços posteriores: nervo facial (NC VII)

Cavidade oral

A cavidade oral situa-se anteriormente na face, abaixo da cavidade nasal. Ela é limitada por um teto, um assoalho e paredes laterais. Anteriormente ela se abre na face através da fissura oral, enquanto posteriormente a cavidade oral se comunica com a faringe, especificament com a orofaringe através de uma passagem estreita chamada de istmo orofaríngeo. O istmo orofaríngeo é cercado pelo palato mole e arcos palatoglossos.

Um grande número de ossos contribui para a estrutura da cavidade oral; estes são os ossos pareados da maxila, palatino e temporal, bem como os ossos não pareados da mandíbula, esfenoide e hioide.

A cavidade é separada em partes anterior e posterior pelos arcos dentários (ou dentes): o vestíbulo oral anterior encontra-se anteriormente aos dentes e posteriormente aos lábios, enquanto a cavidade oral própria descreve a área posterior aos dentes.

O interior da cavidade oral é constantemente lubrificado por glândulas salivares que também participam da digestão dos alimentos ao secretar enzimas que iniciam a digestão de carboidratos. Estas glândulas são a parótida, a submandibular e as sublinguais.

Explore nosso conteúdo para aprender tudo sobre a anatomia e função da cavidade oral!

Anatomia da língua

A língua é a parte central da cavidade oral. É um órgão muscular, cuja base está ligada ao assoalho da cavidade oral, enquanto o seu ápice é livre e móvel.

A língua consiste predominantemente em músculo. São 8 no total: 4 músculos intrínsecos e 4 extrínsecos. Para mais informações sobre estes músculos veja a seção de músculos da língua abaixo.

Além de músculos, a outra importante estrutura da língua é sua mucosa. A mucosa dorsal da língua é recoberta por papilas linguais, que funcionam como receptores sensitivos para o paladar. Existem quatro tipos: papila filiforme, fungiforme, valada e foliada. As papilas possuem diferentes formas, em razão das quais são nomeadas. Você consegue adivinhar qual a forma de uma papila fungiforme? Exatamente, da forma de um fungo!

O Kenhub preparou para você uma apostila de exercícios sobre o sistema digestório. Confira e arrase na sua próxima prova!

Todas as papilas agem como receptores do paladar, exceto pela papila filiforme, que possui um papel puramente mecânico. Você pode se perguntar que papel mecânico é esse? Bem, as papilas filiformes estão presentes na língua de todas as espécies de vertebrados, e são bastante proeminentes nos gatos. Então basicamente elas são muito afiadas, e servem para limpar os pelos. Por nossa sorte, o sabão foi inventado em 2800 A.C., então nós não temos que lamber a nossa pele para ficarmos limpos. É por isso que as nossas papilas filiformes encolheram e se tornaram menos proeminentes.

A melhor forma de compreender a importância da língua é estudar a histologia e a anatomia em conjunto, que você pode fazer através dos nossos recursos!

Músculos da língua

A mobilidade e força da língua são importantes para os processos da fala e mastigação. Estas habilidades são determinadas pelos músculos da língua.

Os músculos que compõem o interior da língua são chamados de músculos intrínsecos da língua. Eles são responsáveis por muitas das funções da língua; como a fala, a mastigação e outras ações que requerem movimentos da língua. Estes músculos controlam movimentos como a torção, encurvamento, achatamento e alargamento da língua. Os músculos que estão localizados fora da língua e somente se inserem em locais específicos são chamados de músculos extrínsecos da língua. Eles auxiliam a língua e suportam ações mais complexas, como a protrusão e retração.

Os 4 músculos intrínsecos da língua são: o longitudinal superior, o longitudinal inferior, o transverso e o vertical.

Fatos importantes sobre os músculos intrínsecos da língua
Longitudinal superior Origem: septo lingual
Inserção: margens da língua
Função: encurvar superiormente a ponta da língua, elevar as laterais, encurtar a língua
Longitudinal inferior Origem: base da língua, corpo do osso hioide
Inserção: ápice da língua
Função: encurvar inferiormente a ponta da língua, encurtar a língua
Transverso Origem: septo lingual medial
Inserção: submucosa marginal fibrosa
Função: estreitar e aumentar a extensão da língua
Vertical Origem: submucosa dorsal
Inserção: submucosa ventral
Função: achatar e alargar a língua
Inervação Todos são inervados pelo nervo hipoglosso

Os 4 músculos extrínsecos da língua são: o genioglosso, o hioglosso, o estiloglosso e o palatoglosso.

Fatos importantes sobre os músculos extrínsecos da língua
Genioglosso Origem: tubérculo genial medial da sínfise mentoniana
Inserção: margem lateral da língua, parte inferior da língua
Inervação: nervo hipoglosso
Função: depressão e protrusão da língua
Hioglosso Origem: corpo e corno maior do osso hioide
Inserção: margem lateral da língua, parte inferior da língua
Inervação: nervo hipoglosso
Função: depressão e retração da língua
Estiloglosso Origem: ligamentos estiloide e estilo-hioideo
Inserção: margem lateral da língua, parte inferior da língua
Inervação: nervo hipoglosso
Função: retração da língua
Palatoglosso Origem: aponeurose do palato mole
Inserção: margem lateral da língua
Inervação: nervo vago
Função: elevação da base da língua

Aprenda tudo sobre os músculos da língua através destes conteúdos divertidos e interessantes.

Inervação da língua

As funções sensitiva e motora da língua se devem aos nervos cranianos, os mesmos nervos responsáveis pela inervação da cabeça e pescoço. Todos os músculos da língua são inervados pelo nervo hipoglosso (NC XII), exceto o músculo palatoglosso, que é suprido pelo nervo vago (NC X).

A inervação sensitiva é levada por vários nervos: 

Aprenda tudo sobre a inervação e vascularização da língua com estes excelentes materiais.

Que tal um teste rápido para reconhecer as estruturas principais da cavidade oral?

Avalie o seu conhecimento recém adquirido no seguinte teste sobre a anatomia da cavidade oral. Ele contém todos os aspectos importantes: músculos que constituem a língua (origens e inserções), artérias, veias e nervos que suprem a cavidade oral e dentes misturados aleatoriamente para oferecê-lo o desafio definitivo sobre a anatomia da cavidade oral.

Cavidade oral - quer aprender mais sobre isso?

As nossas videoaulas divertidas, testes interativos, artigos em detalhe e atlas de alta qualidade estão disponíveis para melhorar rapidamente os seus resultados.

Com quais você prefere aprender?

“Eu diria honestamente que o Kenhub diminuiu o meu tempo de estudo para metade.” – Leia mais. Kim Bengochea Kim Bengochea, Universidade de Regis, Denver

Cadastre-se agora e obtenha sua cópia do guia definitivo de estudos de anatomia!