EN | DE | PT Contato Como estudar Entrar Cadastrar

Glândula submandibular - quer aprender mais sobre isso?

As nossas videoaulas divertidas, testes interativos, artigos em detalhe e atlas de alta qualidade estão disponíveis para melhorar rapidamente os seus resultados.

Cadastre-se para ter uma conta gratuita no Kenhub hoje e se junte a mais de 1.203.894 alunos de anatomia de sucesso.

“Eu diria honestamente que o Kenhub diminuiu o meu tempo de estudo para metade.” – Leia mais. Kim Bengochea Kim Bengochea, Universidade de Regis, Denver

Glândula submandibular

A glândula submandibular é a segunda das três glândulas salivares maiores, depois da parótida e antes da glândula sublingual.

Ela está situada:

Fatos Importantes
Geral

Glândula salivar

Situada superior e inferior à mandíbula e no triângulo submandibular do pescoço 

Parte do assoalho da cavidade oral

Limites

Encontra-se entre o músculo hipoglosso e a mandíbula

Parte superficial: triângulo submandibular do pescoço

Parte profunda: aspecto inferior da cavidade oral

Histologia
 

Glândula serosa e mucinosa, com um uma proporção de 3:2

Responsável pela produção de 70% do débito salivar

Ducto de Wharton abre na papila lingual

Vascularização
 

Artérias facial e lingual

Veias facial e lingual

Inervação
 

Fibras pré-sinápticas do nervo facial - cordão timpânico

Fibras pós-sinápticas de células do gânglio submandibular

Fibras parassimpáticas vasoconstritoras do gânglio cervical superior

Clínica Sialolitíase

Anatomia

Este artigo irá discutir os limites, histologia, vascularização e inervação da Glândula Submandibular.

Por fim, uma breve visão geral sobre a desordem patológica Sialolitíase será mencionada.

Videoaula recomendada: Glândulas salivares
Glândulas salivares e estruturas em seu redor.

Limites

O músculo milo-hióideo cursa ao longo dos lóbulos da glândula, e a divide em partes superficial e profunda.

A parte superficial da glândula submandibular pode ser vista no triângulo submandibular do pescoço, e é recoberta por uma camada da fáscia cervical profunda.

A parte profunda da glândula submandibular é aquela que limita o aspecto inferior da cavidade oral. Ela se encontra entre o músculo hipoglosso e a mandíbula, terminando na borda posterior da glândula sublingual.

Histologia

Essa massa glandular é responsável pela produção de 70% do débito salivar.

Ela secreta saliva serosa e mucinosa, apesar de a maioria ser serosa, com um uma proporção de 3:2.

Seu ducto, que conecta a glândula com a cavidade oral, é conhecido como ducto de Wharton, e se abre na papila lingual, que pode ser encontrada de cada lado do frênulo/freio lingual. Ele cursa ao longo da glândula, e possui aproximadamente quatro centímetros de comprimento, e entre dois e quatro milímetros de largura.

Videoaula recomendada: O que é uma glândula?
Definição, anatomia e função de uma glândula.

Vascularização

As artérias facial e lingual contribuem para a vascularização da glândula submandibular, enquanto a drenagem venosa é de responsabilidade das veias correspondentes.

Inervação

O mecanismo secretório da glândula submandibular é regulado diretamente pelo sistema nervoso parassimpático, pelo qual é estimulado, e indiretamente pelo sistema nervoso simpático, pelo qual é inibido.

Essas fibras incluem fibras pré-sinápticas do nervo facial (NC VII), através do cordão timpânico para o gânglio submandibular, e fibras pós-sinápticas de células do gânglio submandibular, que em conjunto formam as fibras parassimpáticas secretomotoras. As fibras parassimpáticas vasoconstritoras emergem do gânglio cervical superior.

Nota Clínica

Sialolitíase

A sialolitíase, também conhecida simplesmente como pedras salivares, pode ocorrer nas glândulas salivares maiores, mas é vista mais frequentemente na glândula submandibular.

Uma vez que é a glândula que fornece a maioria do produto salivar, é razoável pensar que o conteúdo salivar acumula-se mais provavelmente no seu interior ou em seu ducto, se houver um desequilíbrio nos seu conteúdo ou uma interrupção no fluxo salivar.
 
Se um cálculo se estaciona no ducto salivatório ele pode ocluir o tubo parcial ou completamente, o que causa uma congestão dolorosa da glândula.

A ultrassonografia é o melhor método para diagnosticar um cálculo salivar, e eles podem ser facilmente removidos por cirurgia, seja por via intra ou extra oral. Se esse fenômeno recorre com frequência a glândula deve ser removida, e saliva artificial é prescrita nesses casos.

Glândula submandibular - quer aprender mais sobre isso?

As nossas videoaulas divertidas, testes interativos, artigos em detalhe e atlas de alta qualidade estão disponíveis para melhorar rapidamente os seus resultados.

Cadastre-se para ter uma conta gratuita no Kenhub hoje e se junte a mais de 1.203.894 alunos de anatomia de sucesso.

“Eu diria honestamente que o Kenhub diminuiu o meu tempo de estudo para metade.” – Leia mais. Kim Bengochea Kim Bengochea, Universidade de Regis, Denver

Mostrar referências

Referências:

  • Neil S. Norton, Ph.D. and Frank H. Netter, MD, Netter’s Head and Neck Anatomy for Dentistry, 2nd Edition, Elsevier Saunders, Chapter 13 Oral Cavity, Page 366 to 371.
  • A. Yoskovitch, MD, MSc: Submandibular Sialadenitis/Sialadenosis. WebMD LLC. http://emedicine.medscape.com/article/882358-overview.
  • Frank H. Netter, MD, Atlas of Human Anatomy, Fifth Edition, Saunders - Elsevier, Chapter 1 Head and Neck, Subchapter 6 Oral Region, Guide Head and Neck: Oral Region - Salivary Glands, Page 35 and 36.
  • R. Hicks, MD: Salivary gland problems. WebMD LLC.

Autor:

  • Dr. Alexandra Sieroslawska

Ilustrações:

  • Glândula submandibular - vista lateral-direita - Paul Kim
  • Glândula submandibular - vista lateral-esquerda - Begoña Rodriguez
  • Músculo milo-hióideo - vista lateral-direita - Paul Kim
  • Triângulo Anterior - vista lateral-direita - Paul Kim
  • Fáscia cervical profunda - vista axial - Irina Münstermann
  • Artéria facial - vista lateral-direita - Paul Kim
  • Artéria lingual - vista lateral-direita - Paul Kim
  • Veia facial - vista lateral-direita - Paul Kim
  • Nervo facial - vista lateral-direita - Paul Kim
  • Gânglio submandibular - vista lateral-esquerda - Paul Kim
  • Gânglio cervical superior - vista lateral-esquerda - Paul Kim

Tradução para o português:

  • Rafael Lourenço do Carmo
  • Catarina Chaves
© Exceto expresso o contrário, todo o conteúdo, incluindo ilustrações, são propriedade exclusiva da Kenhub GmbH, e são protegidas por leis alemãs e internacionais de direitos autorais. Todos os direitos reservados.

Desenhos e imagens relacionados

Continue a sua aprendizagem

Leia mais artigos

Mostre mais 2 artigos

Assista videoaulas

Faça teste

Navegue pelo atlas

Muito bem!

Cadastre-se agora e obtenha sua cópia do guia definitivo de estudos de anatomia!