Conexão perdida. Por favor atualize a página.
Conectado
EN | DE | PT | ES Contato Como estudar Entrar Cadastrar
Pronto para aprender?
Selecione a sua ferramenta de estudo favorita

Músculos da laringe

A laringe é uma componente importante do sistema respiratório. Existem muitos músculos que fazem parte da estrutura laríngea ou que encontram-se adjacentes a ela e auxiliam em sua função. Esse artigo visa discutir todos os músculos que se encontram em uma destas duas categorias.

Primeiramente, os músculos extrínsecos e intrínsecos da laringe serão mencionados e agrupados de acordo com a sua função.

Em seguida os músculos extrínsecos da laringe serão discutidos mais detalhadamente, incluindo sua origem, inserção, inervação, suprimento sanguíneo e função específica.

Fatos Importantes
Músculo cricotireóideo Origem: cartilagem cricoide anterior
Inserção: borda inferior da cartilagem tireóidea
Inervação: nervo laríngeo superior
Suprimento sanguíneo: artérias tireóideas superior e inferior
Função: alonga e tensiona os ligamentos vocais
Músculo cricoaritenóideo posterior Origem: lâmina da cartilagem cricoide
Inserção: cartilagem aritenóide
Inervação: nervo laríngeo recorrente
Suprimento sanguíneo: artérias tireóideas superior e inferior
Função: abduzir as pregas vocais
Músculo cricoaritenóideo lateral
 
Origem: cartilagem cricoide
Inserção: cartilagem aritenoide
Inervação: nervo laríngeo recorrente
Suprimento sanguíneo: artérias tireóideas superior e inferior
Função: abduzir as pregas vocais
Músculo tireoaritenóideo
 
Origem: cartilagem tireóidea
Inserção: cartilagem aritenóidea
Inervação: nervo laríngeo recorrente
Suprimento sanguíneo: artérias tireóideas superior e inferior
Função: relaxa as cordas vocais
Músculo vocal
 
Origem: cartilagem aritenoide
Inserção: ligamento vocal
Inervação: nervo laríngeo recorrente
Suprimento sanguíneo: artérias tireóideas superior e inferior
Função: tensiona o ligamento vocal anterior e relaxa o ligamento vocal posterior
Músculos aritenóideos transverso e oblíquo
 
Origem: cartilagem aritenoide
Inserção: cartilagem aritenoide
Inervação: nervo laríngeo recorrente
Suprimento sanguíneo: artérias tireóideas superior e inferior
Função: fechar a porção intercartilaginosa da rima glótica
Conteúdo
  1. Anatomia da laringe
  2. Músculos da laringe
    1. Músculo cricotireóideo
    2. Músculo cricoaritenóideo posterior
    3. Músculo cricoaritenóideo lateral
    4. Músculo tireoaritenóideo
    5. Músculo vocal
    6. Músculos aritenóideos transverso e oblíquo
  3. Nota Clínica
    1. Paresia de pregas vocais
  4. Bibliografia
+ Mostrar todo

Anatomia da laringe

A laringe é uma estrutura oca complexa localizada na região anterior mediana do pescoço. É anterior ao esôfago e se posiciona ao nível da terceira à sexta vértebras cervicais. Ela é constituída por um esqueleto cartilaginoso que se conecta através de membranas, ligamentos e músculos associados, que também a suspendem de outras estruturas adjacentes. Situa-se imediatamente após a orofaringe (a porção da garganta posterior à cavidade oral) e é contínua com a traqueia inferiormente.

A laringe conduz o ar para o trato respiratório inferior e atua fechando as vias aéreas durante a deglutição, para prevenir a aspiração de alimentos para dentro do trato respiratório. É comumente chamada de "caixa vocal" ou "órgão da fonação", uma vez que abriga a estrutura responsável pela produção do som. É relativamente móvel no pescoço e pode ser vista e palpada se movimentando para cima e para baixo durante a deglutição, fechando assim a traqueia e deixando aberta a abertura esofágica.

Quer aprender mais sobre a laringe? Certifique-se de verificar nossos recursos abaixo:

Músculos da laringe

Os músculos extrínsecos da laringe são aqueles que de alguma forma se ligam ao osso hioide, seja através de sua origem ou inserção, e, assim, movem a cartilagem tireóidea. Os músculos infra-hióideos são parte da laringe inferior, e se inserem nela, bem como no aspecto inferior do osso hioide. Esse grupo muscular funciona para abaixar a laringe e o osso hioide e inclui:

Os músculos supra-hióideos são ligados ao aspecto superior do osso hioide, e funcionam para fixá-lo, bem como para elevá-lo, juntamente com a laringe. Esse grupo de músculos inclui:

O músculo estilofaríngeo não está diretamente ligado ao osso hioide, entretanto ele age indiretamente para elevar o osso hioide e a laringe.

Os músculos intrínsecos da laringe alteram tanto o comprimento quanto a tensão aplicada sobre as cordas vocais, bem como a rima glótica. O grupo muscular adutor é constituído dos músculos cricoaritenóide lateral e dos músculos aritenóideos transversos. Os músculos que controlam a abdução são os músculos cricoaritenóideos posteriores. Os músculos esfinctéricos são os músculos aritenóideos transversos, os músculos aritenóideos oblíquos e os músculos ariepiglóticos. Os músculos cricotireóideos são responsáveis por tensionar as cordas vocais, enquanto os músculos tireoaritenóideos e os músculos vocais são responsáveis por relaxá-las.

A laringe é uma estrutura complexa do trato respiratório. Você conhece todas as estruturas componentes deste sistema? Tire todas as suas dúvidas com a nossa apostila de exercícios sobre o sistema respiratório!

Músculo cricotireóideo

Esse músculo se origina na cartilagem cricoide anterior, e se insere na borda inferior da cartilagem tireóidea, em seu corno inferior. Ele é inervado pelo ramo externo do nervo laríngeo superior, e recebe suprimento sanguíneo das artérias tireóideas superior e inferior, como ocorre com todos os músculos laríngeos. Ao se contrair ele alonga e tensiona os ligamentos vocais.

Músculo cricoaritenóideo posterior

A origem proximal desse músculo é na superfície posterior da lâmina da cartilagem cricoide, e seu ponto de inserção é no processo muscular da cartilagem aritenóide. O nervo laríngeo recorrente inerva o músculo, bem como todos os outros músculos intrínsecos da laringe, com a exceção do músculo cricotireóideo. Sua função é a de abduzir as pregas vocais.

Músculo cricoaritenóideo lateral

Originando-se do arco da cartilagem cricoide, esse músculo se insere distalmente no processo muscular da cartilagem aritenoide. Ele atua como um adutor das pregas vocais.
 

Músculo tireoaritenóideo

O músculo tireoaritenóideo se origina do aspecto posterior da cartilagem tireóidea. Ele se insere no processo muscular da cartilagem aritenóidea, assim como fazem os músculos cricoaritenóideos posterior e lateral. Ele encurta e relaxa as cordas vocais.

Músculo vocal

A origem proximal do músculo vocal se dá no processo vocal da cartilagem aritenoide. Ele se insere distalmente no ligamento vocal, e atua tensionando o ligamento vocal anterior e relaxando o ligamento vocal posterior.

Músculos aritenóideos transverso e oblíquo

Finalmente, a cartilagem aritenoide serve como ponto de origem para os músculos aritenóideos transverso e oblíquo, que cursam entre as duas cartilagens aritenoides, conforme se inserem distalmente na cartilagem aritenoide oposta. Devido a seus pontos de inserção eles são capazes de fechar a porção intercartilaginosa da rima glótica.
 

Está confiante com os seus estudos sobre a laringe? Então desafie-se com o teste abaixo:

Músculos da laringe - quer aprender mais sobre isso?

As nossas videoaulas divertidas, testes interativos, artigos em detalhe e atlas de alta qualidade estão disponíveis para melhorar rapidamente os seus resultados.

Com quais você prefere aprender?

“Eu diria honestamente que o Kenhub diminuiu o meu tempo de estudo para metade.” – Leia mais. Kim Bengochea Kim Bengochea, Universidade de Regis, Denver

© Exceto expresso o contrário, todo o conteúdo, incluindo ilustrações, são propriedade exclusiva da Kenhub GmbH, e são protegidas por leis alemãs e internacionais de direitos autorais. Todos os direitos reservados.

Cadastre-se agora e obtenha sua cópia do guia definitivo de estudos de anatomia!