EN | DE | PT Contato Como estudar Entrar Cadastrar

Artéria Subclávia – Abordagem Regional e Mnemônica - quer aprender mais sobre isso?

As nossas videoaulas divertidas, testes interativos, artigos em detalhe e atlas de alta qualidade estão disponíveis para melhorar rapidamente os seus resultados.

Cadastre-se para ter uma conta gratuita no Kenhub hoje e se junte a mais de 1.053.623 alunos de anatomia de sucesso.

“Eu diria honestamente que o Kenhub diminuiu o meu tempo de estudo para metade.” – Leia mais. Kim Bengochea Kim Bengochea, Universidade de Regis, Denver

Artéria Subclávia – Abordagem Regional e Mnemônica

As artérias subclávias são um par de grandes artérias do sistema cardiovascular no tórax que fornecem sangue ao próprio tórax, cabeça, pescoço, ombro e braços. Dependendo do lado do corpo, pode ter duas origens: o arco aórtico à esquerda e o tronco braquiocefálico à direita.

A artéria subclávia se torna a artéria axilar no final, independentemente de qual lado do corpo ela é. Durante o seu curso, ele libera vários ramos de cada uma de suas três regiões respectivas: regiões torácica, muscular e cervical. No total, existem oito ramos.

Este artigo irá lançar alguma luz sobre uma das artérias importantes encontradas em seu corpo, juntamente com o seu curso, ramos e uma mnemônica para ajudá-lo a se lembrar deles com mais facilidade.

Fatos importantes
Origem Arco aórtico (lado esquerdo do corpo), tronco braquiocefálico (lado direito do corpo)
Continuação Artéria axilar
Ramos da Região Torácica

Artéria vertebral

Artéria torácica interna: epigástrica superior, pericardiofrênica, musculofrênica

Tronco tireocervical: tireóidea inferior, cervical ascendente, cervical transversa, supraescapular

Ramos de Região Muscular Tronco costocervical: intercostal suprema, cervical profunda
Ramos da região cervical Ramo profundo da artéria cervical transversa
Mnemônica Vamos Todos Tomar Café Saboreando Intensa e Calmamente

Trajeto da artéria subclávia

Do lado esquerdo do corpo a artéria subclávia emerge diretamente do arco aórtico, enquanto do lado direito ela emerge do tronco braquiocefálico. Ambas cursam acima da pleura cervical (cúpula pleural) em direção ao músculo escaleno anterior e através do intervalo escaleno (entre os músculos escaleno anterior e médio). Ela entra na axila entre a primeira costela e a clavícula, e se torna artéria axilar. Durante o seu curso, ela emite numerosos ramos.

Artéria subclávia (verde) - vista anterior

Ramos da artéria subclávia

A região torácica

Os seguintes ramos emergem medialmente ao músculo escaleno anterior:

  • A primeira artéria é a artéria vertebral, que ascende até atingir a coluna vertebral ao nível do forame transverso da sexta ou sétima vértebras cervicais.
  • O segundo ramo é a artéria torácica interna, que cursa na direção oposta da artéria vertebral, atrás do esterno e do gradil costal. Ela se ramifica em três artérias menores:
  1. A artéria epigástrica superior emerge e cursa abaixo da margem costal, entrando na bainha do reto.
  2. A artéria pericardiofrênica acompanha a artéria frênica ao nível da quarta vértebra cervical e auxilia no suprimento sanguíneo do pericárdio.
  3. A artéria musculofrênica fornece sangue para a musculatura superior do diafragma.
  • A terceira artéria é o tronco tireocervical, que emite quatro ramos conforme ascende:
  1. A artéria tireóidea inferior sobe, forma uma volta atrás da artéria carótida comum e cursa em direção ao contorno posterior da tireoide, cruzando o nervo laríngeo recorrente. Ela se ramifica em artérias para a laringe (artéria laríngea inferior), músculos infra-hióideos e músculos pré-vertebrais, e muitos outros ramos menores para estruturas adjacentes.
  2. A artéria cervical ascendente é a próxima, e cursa superiormente juntamente com o nervo frênico, ao nível da quarta vértebra cervical.
  3. A artéria cervical transversa se divide em ramos superficial e profundo.
  4. O ramo superficial cursa superficialmente na região cervical lateral, e em seguida sob o músculo trapézio (juntamente com o nervo acessório). O ramo profundo se divide em duas artérias menores, uma das quais segue o nervo escapular dorsal ao longo da borda medial da escápula. A artéria supraescapular cursa acima da escápula à frente do músculo escaleno anterior e atrás da clavícula. Ela se anastomosa com as artérias escapular circunflexa e toracoacromial (através dos ramos acromiais).

A região muscular

O tronco costocervical emerge posteriormente ao músculo escaleno anterior e se divide em dois ramos principais:

  • A artéria intercostal suprema é a mais alta de todas as artérias intercostais, e fornece sangue para os dois espaços intercostais superiores, a região profunda do pescoço e os músculos do dorso, a pele do dorso e o canal vertebral.
  • Conforme o tronco cursa inferiormente, dele emergem a artéria cervical profunda, entre a primeira costela e a sétima vértebra cervical, que leva sangue à musculatura cervical profunda.

A região cervical

Muito frequentemente o ramo profundo da artéria cervical transversa emerge diretamente da artéria subclávia, lateralmente ao músculo escaleno anterior. Ele é então chamado de artéria escapular dorsal. Nesse caso ele passa através do plexo braquial, geralmente entre os troncos superior e médio.

Mnemônica

Uma maneira inteligente e divertida de se lembrar da ordem correta e dos nomes dos mais importantes ramos da artéria subclávia:

Vamos Todos Tomar Café Saboreando Intensa e Calmamente.

  • Vertebral
  • Tronco tireocervical
  1. Tireóidea inferior
  2. Cervical superior
  3. Supraescapular
  • Tronco costocervical
  1. Intercostal suprema
  2. Cervical profunda

Sumário

As artérias subclávias, dependendo do lado do corpo, pode ter duas origens: o arco aórtico à esquerda e o tronco braquiocefálico à direita.

A artéria subclávia se torna a artéria axilar no final, independentemente de qual lado do corpo ela é.

Os ramos da artéria subclávia são os seguintes (Vamos Todos Tomar Café Saboreando Intensa e Calmamente):

  • Vertebral
  • Tronco tireocervical
  1. Tireóidea inferior
  2. Cervical superior
  3. Supraescapular
  • Tronco costocervical
  1. Intercostal suprema
  2. Cervical profunda

Artéria Subclávia – Abordagem Regional e Mnemônica - quer aprender mais sobre isso?

As nossas videoaulas divertidas, testes interativos, artigos em detalhe e atlas de alta qualidade estão disponíveis para melhorar rapidamente os seus resultados.

Cadastre-se para ter uma conta gratuita no Kenhub hoje e se junte a mais de 1.053.623 alunos de anatomia de sucesso.

“Eu diria honestamente que o Kenhub diminuiu o meu tempo de estudo para metade.” – Leia mais. Kim Bengochea Kim Bengochea, Universidade de Regis, Denver

Mostrar referências

Referências:

  • Frank H. Netter: Atlas der Anatomie, 5th Edition, Saunders (2011), table  231.
  • Anne M. Gilroy et al.: Atlas of Anatomy, 2nd edition, Thieme (2012), p. 317.
  • Friedrich Anderhuber, Franz Pera, Johannes Streicher: Waldeyer Anatomie des Menschen, 19th edition, De Gruyter (2012), p.493-495.
  • W. Chaijaroonkhanarak et al.: Origin of the dorsal scapular artery and its relation to the brachial plexus in Thais. Anat Sci Int. 2013 Aug 30.

 Autor:

  • Dr. Alexandra Sieroslawska

 Ilustrações: 

  • Artéria subclávia - vista anterior - Begoña Rodriguez
  • Artéria subclávia - vista anterior - Yousun Koh
  • Artéria axilar - vista anterior - Yousun Koh
  • Artéria vertebral - vista anterior - Yousun Koh
  • Artéria torácica interna - vista anterior - Yousun Koh
  • Artéria epigástrica superior - vista anterior - Yousun Koh
  • Artéria musculofrénica - vista lateral-direita - Paul Kim
  • Tronco tireocervical - vista anterior - Yousun Koh
  • Artéria tireóidea inferior - vista anterior - Yousun Koh
  • Artéria cervical ascendente - vista anterior - Yousun Koh
  • Artéria cervical transversa - vista anterior - Yousun Koh
  • Artéria supraescapular - vista anterior - Yousun Koh
  • Tronco costocervical - vista lateral-direita - Paul Kim
  • Artéria intercostal suprema - vista lateral-direita - Paul Kim
  • Artéria cervical transversa - vista lateral-direita - Paul Kim
  • Artéria escapular dorsal - vista lateral-direita - Paul Kim

Tradução para o português:

  • Rafael Lourenço do Carmo
  • Catarina Chaves
© Exceto expresso o contrário, todo o conteúdo, incluindo ilustrações, são propriedade exclusiva da Kenhub GmbH, e são protegidas por leis alemãs e internacionais de direitos autorais. Todos os direitos reservados.

Desenhos e imagens relacionados

Continue a sua aprendizagem

Leia mais artigos

Mostre mais 5 artigos

Assista videoaulas

Faça teste

Navegue pelo atlas

Muito bem!

Cadastre-se agora e obtenha sua cópia do guia definitivo de estudos de anatomia!

Crie sua conta gratuitamente.
Comece a aprender anatomia em menos de 60 segundos.