EN | DE | PT Contato Como estudar Entrar Cadastrar

Músculo trapézio - quer aprender mais sobre isso?

As nossas videoaulas divertidas, testes interativos, artigos em detalhe e atlas de alta qualidade estão disponíveis para melhorar rapidamente os seus resultados.

Cadastre-se para ter uma conta gratuita no Kenhub hoje e se junte a mais de 1.054.425 alunos de anatomia de sucesso.

“Eu diria honestamente que o Kenhub diminuiu o meu tempo de estudo para metade.” – Leia mais. Kim Bengochea Kim Bengochea, Universidade de Regis, Denver

Músculo trapézio

O músculo trapézio é um músculo triangular, achatado e par localizado superficialmente na parte de trás do pescoço e do tórax. Em conjunto os dois músculos trapézios formam, uma forma de diamante ou trapézio, responsável pelo seu nome. O trapézio é um dos pares musculares superficiais posteriores axioapendiculares ou extrínsecos. Os músculos axioapendiculares posteriores são responsáveis pela fixação da cintura escapular ao tronco. O trapézio está amplamente envolvido nos movimentos da cintura escapular e é, portanto, funcionalmente considerado como um músculo do membro superior e não das costas.

Fatos sobre o músculo trapézio
Origem Osso occipital, ligamento nucal, apófises espinhosas de C7 a T12
Inserção Espinha da omoplata, acrómio da omoplata, ⅓ lateral da clavícula
Inervação

Motora: nervo acessório (NC XI)

Sensorial: ramos dorsais de C3 e C4

Vascularização Artéria occipital (parte superior), artéria cervical superficial ou transversa (parte média), artéria escapular dorsal (parte inferior)
Função Elevação da omoplata (fibras superiores), retração da omoplata (fibras médias), depressão da omoplata (fibras inferiores), rotação ascendente da cavidade glenoidal

Este artigo irá discutir todos os aspectos anatómicos e clínicos importantes relacionados com o músculo trapézio.

Anatomia e inervação

O músculo trapézio é um músculo triangular e plano da cintura escapular. Ele é inervado pelo nervo acessório (nervo craniano XI) e pelo plexo cervical (C2-C4). Diferenciam-se três partes:

  • Parte descendente (ou superior): corre do osso occipital e ligamento nucal até o terço lateral da clavícula.
  • Parte transversa (ou média): se origina dos processos (apófises) espinhosos das primeiras quatro vértebras torácicas e se insere no acrômio.
  • Parte ascendente (ou inferior): se estende dos processos (apófises) espinhosos da quinta à décima segunda vértebras torácicas até a espinha da escápula (omoplata).

Músculos axioapendiculares posteriores - vista posterior

O trapézio é um músculo axioapendicular, o que significa que se origina no esqueleto axial e se insere em ossos do esqueleto apendicular.

Músculos axioapendiculares
Anteriores Peitoral maior, peitoral menor, subclávio e serrátil (serreado) anterior
Posteriores

Superficiais: trapézio e latíssimo do dorso (grande dorsal)

Profundos: levantador da escápula e romboides

Escapulo-umerais: deltoide, redondo maior e os músculos do manguito rotador (supra-espinhoso, infra-espinhoso, redondo menor e subscapular)

Para aprender mais sobre os músculos axioapendiculares visite os conteúdos em baixo.

Função

O trapézio estabiliza e segura a lâmina escapular no tórax e realiza numerosas tarefas. Ele move a lâmina escapular medialmente e a roda externamente. Adicionalmente, a porção descendente causa elevação da escápula (omoplata) enquanto a porção ascendente abaixa tal osso. Além disso, uma contração unilateral flexiona a cabeça para o mesmo lado (flexão lateral), enquanto uma contração bilateral eleva a cabeça e a coluna vertebral cervical (flexão dorsal). 

Videoaula recomendada: Músculo trapézio
Origens, inserções, inervação e funções do músculo trapézio.

Nota clínica

Uma lesão do nervo acessório pode levar a paresia e atrofia do trapézio. Um sintoma clássico é a inabilidade de abdução do ombro. A elevação (elevar o braço acima de 90º) também fica restrita. O ombro do lado afetado é rebaixado e a borda medial da lâmina escapular encontra-se ligeiramente lateralizada (escápula alada). Lesões do nervo acessório ocorrem frequentemente durante intervenções na região cervical como biópsias linfonodais ou dissecções do pescoço, e raramente após trauma e tumores da base do crânio.

Músculo trapézio - quer aprender mais sobre isso?

As nossas videoaulas divertidas, testes interativos, artigos em detalhe e atlas de alta qualidade estão disponíveis para melhorar rapidamente os seus resultados.

Cadastre-se para ter uma conta gratuita no Kenhub hoje e se junte a mais de 1.054.425 alunos de anatomia de sucesso.

“Eu diria honestamente que o Kenhub diminuiu o meu tempo de estudo para metade.” – Leia mais. Kim Bengochea Kim Bengochea, Universidade de Regis, Denver

Mostrar referências

Referências:

  • D. Drenckhahn/J. Waschke: Taschenbuch Anatomie, 1.Auflage, Urban & Fischer Verlag/Elsevier (2008), S.30
  • M. Schünke/E. Schulte/U. Schumacher: Prometheus – LernAtlas der Anatomie – Allgemeine Anatomie und Bewegungssystem, 2.Auflage, Thieme Verlag (2007), S.292-293
  • W. Gehlen/H.-W. Delank: Neurologie, 12.Auflage, Thieme Verlag (2010), S.31-32, 473
  • P.W. Brazis/J.C. Masdeu/J. Biller: Localization in Clinical Neurology, 6.Auflage, Lippincott Williams & Wilkins (2011), S.370-371

Autor & Layout:

  • Achudhan Karunaharamoorthy
  • Christopher A. Becker

Ilustrações:

  • Músculo trapézio - vista posterior - Irina Münstermann
  • Músculo trapézio - vista posterior - Yousun Koh
  • Músculo trapézio - vista lateral direita - Paul Kim 

Tradução para português:

  • Rafael Lourenço do Carmo
  • Catarina Chaves
  • Beatriz la Féria
© Exceto expresso o contrário, todo o conteúdo, incluindo ilustrações, são propriedade exclusiva da Kenhub GmbH, e são protegidas por leis alemãs e internacionais de direitos autorais. Todos os direitos reservados.

Desenhos e imagens relacionados

Continue a sua aprendizagem

Leia mais artigos

Mostre mais 3 artigos

Assista videoaulas

Faça teste

Navegue pelo atlas

Muito bem!

Cadastre-se agora e obtenha sua cópia do guia definitivo de estudos de anatomia!

Crie sua conta gratuitamente.
Comece a aprender anatomia em menos de 60 segundos.