Conexão perdida. Por favor atualize a página.
Conectado
EN | DE | PT | ES Contato Como estudar Entrar Cadastrar
Pronto para aprender?
Selecione a sua ferramenta de estudo favorita

Músculo Iliopsoas

Músculo iliopsoas
Músculo iliopsoas

O músculo iliopsoas localiza-se nas regiões lombar e do quadril, e é um grande músculo que na verdade é composto por dois músculos menores: o ilíaco e o psoas maior. Além do iliopsoas, os outros músculos internos do quadril são o psoas menor, o obturador externo, o obturador interno, o gêmeo superior, o gêmeo inferior, o piriforme e o quadrado femoral.

O iliopsoas tem uma origem extensa: o músculo psoas maior se origina entre a décima segunda vértebra torácica e a quinta vértebra lombar, e o músculo ilíaco se origina maioritariamente na fossa ilíaca da pelve. Suas fibras se fundem em um único ventre muscular ao redor da borda pélvica. O iliopsoas termina em um tendão que se insere no trocânter menor do fêmur.

O músculo iliopsoas é o principal flexor da articulação do quadril. A ação conjunta do psoas maior e do ilíaco provoca a flexão do quadril. Entretanto, devido à sua origem proximal, o psoas maior também desempenha outros movimentos no segmento lombar da coluna vertebral.

Esse artigo abordará a anatomia e a função do músculo iliopsoas.

Informações importantes sobre o músculo iliopsoas
Definição O iliopsoas é o maior e mais potente músculo interno do quadril, se estendendo desde a coluna vertebral até a região proximal do fêmur. 
Componentes Músculo ilíaco
Músculo psoas maior
Inervação Ilíaco: nervo femoral (L2-L4)
Psoas maior:
ramos anteriores dos nervos espinais (L1-L3)
Vascularização Artérias iliolombar, obturatória, ilíaca externa e femoral
Função Flexão e rotação externa da coxa na articulação do quadril
Flexão do tronco no quadril
Flexão lateral do tronco (somente o psoas maior)
Conteúdo
  1. Psoas maior
  2. Ilíaco
  3. Função
  4. Referências
+ Mostrar todo

Psoas maior

Músculo psoas maior

O psoas maior é um poderoso músculo localizado na parede abdominal posterior, lateralmente à coluna vertebral. Ele se origina nos processos transversos de todas as vértebras lombares, e nas superfícies anterolaterais dos corpos vertebrais de T12 a L5 e dos discos intervertebrais interpostos entre esses segmentos. O músculo cursa inferiormente em direção à borda pélvica.

Antes de cruzar a borda pélvica e entrar na região anterior da coxa, as fibras laterais do músculo psoas maior juntam-se às fibras do músculo ilíaco para formarem o músculo iliopsoas. As fibras do músculo iliopsoas, então, passam posteriormente ao ligamento inguinal e anteriormente à cápsula da articulação do quadril. A porção inferior do músculo iliopsoas, abaixo do ligamento inguinal, contribui para a formação do assoalho do trígono femoral. Finalmente, o iliopsoas converge em um tendão único, que se insere no trocânter menor do fêmur.

Avalie o seu conhecimento com esse teste sobre os músculos do quadril e da coxa, usando níveis de dificuldade diferentes!

O psoas maior é inervado pelos ramos anteriores dos nervos espinais lombares, principalmente L1 e L2, com algumas contribuições de L3 e L4. O seu suprimento sanguíneo deriva principalmente do ramo iliolombar da artéria ilíaca interna, com contribuições das artérias obturatória e lombares, assim como de ramos das artérias ilíaca externa e femoral.

Ilíaco

Músculo ilíaco

O ilíaco é um músculo triangular que se origina nos dois terços superiores da fossa ilíaca, na crista ilíaca e no aspecto lateral do sacro. Algumas fibras musculares adicionais se originam nos ligamentos sacroilíaco anterior e iliolombar, que ligam a pelve à coluna vertebral. A origem do músculo ilíaco estende-se anteriormente na fossa ilíaca até às espinhas ilíacas anterior superior e anterior inferior. Nessa topografia o músculo ilíaco recebe algumas fibras a partir da parte superior da cápsula da articulação do quadril, conhecidas como fibras iliocapsulares.

As fibras do ilíaco depois se fundem com as fibras mais laterais do psoas maior para formarem o músculo iliopsoas, que passa anteriormente à cápsula da articulação coxofemoral para se inserir no trocânter menor do fêmur. O tendão do iliopsoas está separado da articulação do quadril por uma grande bursa subtendínea ilíaca, que por vezes se comunica com a cavidade articular.

O ilíaco é inervado por ramos do nervo femoral (L2, L3). Ele recebe o mesmo suprimento sanguíneo do psoas maior, isto é, sua irrigação vem de ramos das artérias iliolombar, lombar, obturatória, ilíaca externa e femoral.

Função

Contração do músculo iliopsoas

O músculo iliopsoas é o mais forte flexor da articulação do quadril. A contração simultânea dos músculos psoas maior e ilíaco produz uma forte flexão da coxa na articulação do quadril. Porém, o músculo psoas maior pode agir de forma independente nas suas fixações na coluna lombar quando a sua extremidade distal está fixa. Assim, a contração bilateral do psoas maior leva à flexão do tronco na articulação do quadril, enquanto a contração unilateral resulta na flexão lateral do tronco.

Numa posição ereta e simétrica, o músculo iliopsoas é responsável por manter a lordose lombar normal (fisiológica) do ortostatismo, e, indiretamente, a cifose compensatória da coluna vertebral torácica. O iliopsoas funciona como um antagonista do músculo glúteo máximo e dos músculos isquiotibiais (bíceps femoral, semitendíneo e semimembranáceo).

Aprenda tudo sobre a anatomia e função dos músculos do quadril e da coxa com as nossas videoaulas, artigos, testes e ilustrações.

Músculo Iliopsoas - quer aprender mais sobre isso?

As nossas videoaulas divertidas, testes interativos, artigos em detalhe e atlas de alta qualidade estão disponíveis para melhorar rapidamente os seus resultados.

Com quais você prefere aprender?

“Eu diria honestamente que o Kenhub diminuiu o meu tempo de estudo para metade.” – Leia mais. Kim Bengochea Kim Bengochea, Universidade de Regis, Denver

© Exceto expresso o contrário, todo o conteúdo, incluindo ilustrações, são propriedade exclusiva da Kenhub GmbH, e são protegidas por leis alemãs e internacionais de direitos autorais. Todos os direitos reservados.

Cadastre-se agora e obtenha sua cópia do guia definitivo de estudos de anatomia!